Autora catarinense lança e-book com análise sobre conteúdo de educação nas mídias digitais

Tendo pouco sucesso na busca de teorias que conectassem rede social e educação, a especialista em Comunicação e Redes Sociais Angélica Elisa Sonaglio resolveu contar um pouco sobre a própria experiência profissional no Núcleo Multimídia da TV Escola. Como fruto deste trabalho, no dia 14 de março, lançou o e-book “Conteúdo educativo nas mídias digitais: análise do projeto de redes sociais on-line da TV Escola”.
A autora apresenta uma análise sobre as estratégias traçadas pelo projeto de Redes Sociais On-line do Ministério da Educação em seus quatro anos de aplicação, tendo como foco a plataforma facebook. Por meio de escritores que tratam sobre televisão pública e educativa, educomunicação, mídia-educação e do histórico do próprio canal, a instituição usa essa rede para publicações de interesse da comunidade e conteúdos educativos específicos.
Para a pesquisadora, por ser um tema relativamente novo, como o próprio surgimento e história da TV Escola, existem poucos documentos oficiais acessíveis, tirando as portarias, que falam sobre o projeto em si, como o que é, para que serve, políticas públicas aplicadas e até a própria concepção. “A bibliografia escassa foi uma das principais dificuldades na execução do livro. Com essa publicação, espero auxiliar e complementar estudos futuros”, destaca.

O e-book é dedicado a todas as pessoas que querem entender um pouco mais sobre a inserção de qualquer conteúdo educativo em uma plataforma de rede social on-line e está disponível nas lojas virtuais da Amazon, Kobo/Cultura, Saraiva, iBooks e Google e o valor gira em torno de R$7.

A autora

Especialista em Comunicação em Redes Sociais e Bacharel em Comunicação Social: Habilitação em Jornalismo na Universidade de Brasília (UnB) foi Analista de Comunicação do núcleo multimídia da TV Escola. Atuou como bolsista do Cnpq no Projeto de Inclusão Digital Casa Brasil no laboratório Multimídia e Rádio. Foi bolsista de extensão PROEX/UCB pelo Projeto “Comunicadores e comunidades: mídias digitais no estímulo à cidadania” e pesquisadora do Ceftru/UnB na análise de entrevistas, com metodologia semiótica, do Transporte Escolar Rural do Brasil. Foi bolsista da Rede de Extensão para Inclusão Digital (REID) atuando com redes sociais, blogs e produção de conteúdos multimídia. Seus trabalhos e produções acadêmicas têm foco nos assuntos ligados à mídia, educação, cidadania e novas mídias.

 

 

Sem comentários

Postar um comentário