Empresas inovam na capacitação corporativa com uso de tecnologia

Com salas de aula virtuais, games e novas plataformas, empresas visionárias capacitam e motivam colaboradores e tornam seu negócio mais rentável. Conheça os benefícios de inovar na educação corporativa e alguns cases de sucesso.

A educação corporativa está diretamente relacionada à inovação e sustentabilidade das empresas. Esse processo de aprendizagem promove a obtenção, atualização, compartilhamento e construção do conhecimento. Representa também uma forma poderosa de reter talentos, pois o colaborador evolui profissionalmente dentro da empresa. O resultado é o aumento da competitividade de seus produtos ou serviços.

Com a tecnologia cada vez mais inserida na rotina das pessoas, as capacitações online ganham espaço, como uma tendência que veio para ficar.

Confira alguns benefícios de usar a tecnologia para capacitação profissional

Flexibilidade do tempo. Os cursos à distância podem estar disponíveis em diversas plataformas para serem acessados em qualquer horário. O colaborador pode gerenciar seu tempo da forma que achar melhor, dentro ou fora do expediente. A duração dos cursos também é otimizada, já que duas horas de treinamento presencial equivalem a uma hora de EAD.

Engajamento na construção do conhecimento. Em uma videoaula, enquanto o instrutor compartilha informações, o aluno tem a possibilidade de pesquisar para contribuir com comentários ou formular melhor suas perguntas. O conteúdo também fica disponível para todos da mesma forma, criando assim, um ambiente favorável para que os colaboradores cresçam e se desenvolvam juntos.

Interatividade e segurança. As plataformas online possibilitam que os participantes interajam e tirem suas dúvidas com o professor sem sentir constrangimento por expor suas dificuldades para a turma.

Mensuração de retenção do conhecimento. A tecnologia permite que os gestores acompanhem métricas relacionadas à participação dos colaboradores, assimilação do conteúdo e possibilidades de melhoria nos processos. Pesquisas já mostram que com EAD a retenção do conteúdo é de 40%, enquanto nos cursos presenciais, após algumas semanas, o aluno se lembra de apenas 10%.

Interesse dos colaboradores em aprender mais. A capacitação pode estar associada à desafio e diversão. O design e o conteúdo dos softwares, aplicativos e jogos educativos são pensados de forma estratégica para despertar a atenção e motivação dos participantes.

Economia. Toda empresa se preocupa com investimento e retorno. A médio prazo o treinamento online pode custar até 70% menos do que um curso presencial. Isso acontece porque não há gastos com deslocamento de instrutores, aluguel de sala, coffee break e instalação de áudio e vídeo. Além disso, um mesmo treinamento, depois de pronto, pode ser utilizado infinitas vezes, sem custo adicional.

Atualização rápida e frequente. Com os processos em constante transformação é preciso mudar questões de legislação, novas tecnologias, regras dos processos internos com frequência. Um curso online permite que essas alterações no conteúdo sejam feitas com muito mais facilidade, atualizando os colaboradores quase instantaneamente.

Conheça cases de quem inovou na capacitação corporativa com uso de tecnologia

Brincar também é coisa de gente grande e continua sendo uma das formas mais eficazes de aprender. A Mobiliza transformou a capacitação continuada em um jogo muito divertido para os vendedores da Yamaha. No Yamaha Consórcio Game Show, os colaboradores aprimoram o conhecimento sobre os produtos e as habilidades em vendas acumulando pontos e troféus em um jogo customizado e tecnológico.

Já a empresa DTCom tem um case de sucesso com o Serviço Nacional de Aprendizagem, o Senai. A demanda era implementar o processo de educação à distância e produzir cursos técnicos específicos para os profissionais da indústria. Para oferecer um projeto personalizado, a empresa envolveu um time formado por experts, como consultores pedagógicos, designers instrucionais, roteiristas, desenvolvedores de games e vídeos, entre outros. Atualmente, já desenvolveram mais de 130 treinamentos e capacitações, aumentando consideravelmente o número de profissionais atendidos.

Estes são apenas dois dos muitos exemplos de empresas que estão se desenvolvendo junto com seus colaboradores. O potencial humano e seu conhecimento continuam sendo os bens mais preciosos das organizações. Os recursos tecnológicos oferecem ferramentas para o desenvolvimento profissional proporcionando agilidade, assertividade e segurança.

1Comentário

Postar um comentário